Percursos comentados na cidade de Porto Alegre durante a XIII RAM
Organização: Equipe NAVISUAL e Comissão de Cultura

Informações iniciais:

A XIII RAM oferecerá três percursos. Não são necessárias inscrições antecipadas, basta estarem no primeiro ou no segundo ponto de encontro nas horas previstas. Os coordenadores estarão segurando uma plaqueta com o cartaz de identificação da XIII RAM.
Somente em caso de chuva forte, as caminhadas serão suspensas.

PRIMEIRA CAMINHADA

Dia: 24/07/2019 
Horário: 10:00

Local de encontro: Largo Jornalista Glênio Péres, Mercado Público de Porto Alegre, em frente ao portão de entrada do Mercado.

Coordenadores/as:
Jeniffer  Cuty

Marina Bordin
Felipe Rodrigues 

Percurso:
Sítio Histórico Tombado pelo IPHAN em 1999, que possibilitou a implantação do Monumenta em Porto Alegre. CIRCUITO. Saída do Mercado Público em direção à Pinacoteca Rubem Berta (Rua Duque de Caxias, 973). Segue para a Praça da Matriz e Theatro São Pedro, Catedral/Igreja Matriz, prédios legislativos, Biblioteca Pública do Estado. Ladeira (Gal. Câmara), Praça da Alfândega, Margs, Memorial e Santander até o Marco Zero de Porto Alegre. Sepúlveda e Pórtico Central do Cais.

SEGUNDA CAMINHADA

Dia: 25/07/2019
Horário: 10:00
Local do encontro: Praça Brigadeiro Sampaio, no monumento “Tambor” na Praça Brigadeiro Sampaio (início da rua dos Andradas, em frente à Usina do  Gasômetro)

Coordenadores/as:
Maria Elaine Rodrigues Espíndola

Pedro Vargas
Raquel Silva da Fonseca 

Percurso:
A proposta visa percorrer alguns dos marcos do Museu de Percurso do Negro em Porto Alegre, com início pelo monumento “Tambor” (uma obra de concreto armado desenvolvido por Gutê, Leandro Machado, Elaine, Mattos, Pelópidas Thebano e Xaplin), na Praça Brigadeiro Sampaio, continuando pela rua dos Andradas, passando pelo Pelourinho, hoje Igreja das Dores; Praça da Alfândega (remetendo ao antigo Largo das Quitandeiras, atualmente está a “Pegada da África”, de Vinicius Vieira). Após, prevê-se uma parada no Mercado Público, onde está o Bará do Mercado (obra com concepção de Leandro Machado e Pelópidas Thebano, execução de Leonardo Posenato, Vilmar Santos e Vinicius Vieira, com idealização de Mãe Norinha De Oxalá), finalizando no painel Afrobrasileiro, no Largo Glênio Peres (com Concepção de Pelópidas Thebano e execução de Vinicius Vieira).

Para mais informações, acessar:
http://museudepercursodonegroemportoalegre.blogspot.com/

TERCEIRA CAMINHADA

Dia: 25/07/2019
Horário: 10:00
Local do encontro: 1° ponto de encontro: em frente à Faculdade de Educação (FACED/UFRGS), Campus Centro, às 10:00h (saída).
2° ponto de encontro: em frente ao Pinguim Bar (R. Gen. Lima e Silva, 505), esquina com a Rua da República e próximo ao ponto de Táxi, às 10:30h.

Coordenadores/as:
Leonardo Palhano Cabreira
Thayanne Freitas
Fabricio Barreto 
José Luís Abalos Júnior 

Percurso:
Percurso de Street Art em Porto Alegre/RS guiado por artistas urbanos convidados/as. Partindo da Faculdade de Educação da UFRGS – FACED (Avenida Paulo Gama, 110, Campus Centro), iniciamos nosso percurso atravessando o i) Viaduto do Brooklyn, um espaço de importante confluência sociocultural nesta região. ii) Seguimos em caminhada pela rua Sarmento Leite até chegar na rua Lima e Silva, seio da Cidade Baixa e nosso segundo ponto de encontro, cujo destino próximo tem a rua Lopo Gonçalves, espaço tomado por intervenções dos mais variados tipos, em especial a pichação. iii) Desta rua, procuraremos rumar para a Travessa dos Venezianos, local de moradias populares com imensurável valor arquitetônico, hoje tombadas pelo município, e berço da Associação Riograndense de Artes Plásticas Francisco Lisboa. iv) Desta ruela, partir para o Muro do Colégio La Salle/Pão dos Pobres, espaço tomado por grafites de artistas de toda a cidade, com seus mais variados estilos. v) Posteriormente, caminhar até o Largo Zumbi dos Palmares, destacando a ligação da arte de rua com a comunidade do entorno desta importante territorialidade urbana. vi) Muito próximo ao largo, na Avenida Loureiro da Silva, estão os imponentes murais de arte urbana elaborados pela crew PaxArt, cabendo uma breve locomoção até estas produções. vii) Passando pelo Capitólio, este situado na Avenida Borges de Medeiros, nosso percurso tem como ponto final o Complexo Morro da Formiga, localizado paralelamente entre as ruas Fernando Machado e João Manoel, no Centro Histórico, hoje transformado, além de Horta Comunitária, também numa revitalizada Galeria de Arte a Céu Aberto.

Compartilhe:
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support